quarta-feira, 19 de abril de 2017

PARTICIPANDO COM O TIÃO DA SEMANA LITERÁRIA 2017 DA ESCOLA CENECISTA CAROLINO EUZÉBIO NUNES

A tarde de hoje foi de festa, de partilha e de encontro com os pequenos da Escola Cenescista Carolino Euzébio Nunes, em Charqueadas. Como é gratificante chegar numa escola e ser acolhida com o tamanho carinho que fui. Mais ainda ao ver os trabalhos lindos que foram desenvolvidos a partir do meu livro "Não grita, Tião!". Ver que o Tião ganhou vida na imaginação das crianças, que colocaram outros personagens nas suas representações, que deixaram o Tião crescer e virar médico, laçador de cavalos, pai de família. Me emocionei muito mesmo, pois quando escrevi a história o fiz de peito aberto e muito despretensiosamente, porque queria brincar com uma música que minha mãe cantava para mim na infância. Acho que foi a minha despretensão que permitiu essa aproximação literária com o universo das crianças, que hoje me acolhem tão bem. Foi bom demais da conta passar a tarde a brincar com as palavras, acompanhada dos pequenos e seus professores, do "Tião" e também do "João" e do "Juarez" (personagens da história "Tudo por um pacote de amendoim", da minha querida amiga Gladis Barcellos), que na versão desta tarde receberam a ajuda do Tião para resolver sua situação familiar!! Ficam os registros fotográficos, o carinho e desejo do reencontro!!
O primeiro encontro foi com os pequenos do pré e do 1º ano
Muitos registros para guardar na memória afetiva
Depois foi a vez de conversar e narrar
para os pequenos do 2º e 3º ano
 
Me emocionei quando visualizei nas redes sociais
das professoras os trabalhos que vinham
sendo realizados em sala de aula
O trabalho com o texto literário, quando é criativo, 
só faz ampliar o desejo e a curiosidade
Ser acolhida na chegada com o Tião
entre os personagens de Monteiro Lobato,
não tem preço!! 
 
Foi lindo ver a criatividade das crianças
ser respeitada e valorizada!!
 
Olha lá o gritão brincando com os personagens
do Sítio do Pica Pau Amarelo!!
 
E o tempo passou e o Tião cresceu
E novas histórias foram inventadas!!
 
Encontro com a escritora tem que ter autógrafo, né?!
Só autógrafo, não
Fotinhos também!!
E foto com os profes, claro!!  
 
Que as sementinhas plantadas germinem e floresçam!!
 
"A mim, me salvam as crianças.
De tanto escrever para elas, simplifiquei-me".
(Monteiro Lobato)

terça-feira, 18 de abril de 2017

TIÃO FAZENDO PIQUENIQUE NA ESCOLA EDUCAR-SE

Hoje é o Dia Nacional do Livro Infantil!! Hoje celebramos o aniversário de Monteiro Lobato!! - E embora o aniversário seja dele eu também ganhei presente. Que delícia chegar para trabalhar e passar por essa cena, um Piquenique Literário de acolhida na porta de entrada da Escola Educar-se, em Santa Cruz do Sul. E o Tião lá, gritando e fazendo a festa!! Salve a boa literatura feita para crianças de todas as idades!!
 

sexta-feira, 7 de abril de 2017

SIMPLES ASSIM 1: MUITO PRAZER!!

As ondas das águas de março que chegam fechando o verão me trouxeram o convite para escrever esta coluna semanal. A primeira coluna chega abrindo o mês de abril, mês do aniversário de nascimento Hans Christian Andersen e de Monteiro Lobato e também do aniversário de despedida de Miguel de Cervantes e William Shakespeare. Um mês especial para todos que acreditam que ler é não só importante como fundamental para a constituição de um ser humano capaz de fazer escolhas mais conscientes para sua vida.
Perdão, cheguei sem me apresentar!! Que feio isso!! Eu sou a Valéria, mas todos me chamam de Léla. Moro em Santa Cruz do Sul, mas nasci em General Câmara. Sou mãe de dois meninos incríveis e também sou fisioterapeuta, pedagoga, professora universitária, contadora de histórias, escritora e focalizadora de Danças Circulares. Não exatamente nessa ordem, mas trabalho e me divirto com tudo isso e tudo isso me constitui. Também gosto de fazer bolos e inventar receitinhas!! Falo isso que é para você saber que nas nossas conversas semanais tudo pode aparecer - e pode acontecer de tudo!!
Mas cheguei falando nos aniversariantes ilustres do mês porque em abril celebramos o Dia Internacional do Livro Infantil (02 de abril), o Dia Nacional do Livro Infantil (18 de abril) e a Semana do Livro (18 a 23 de abril). As datas não são aleatórias, foram escolhidas para festejar seus aniversariantes, mas também para lembrar o quão fundamental é a leitura desde muito cedo na vida de nossos pequenos. Somos diferentes dos outros animais porque nos desenvolvemos não apenas através das nossas habilidades manuais, mas através da linguagem e da capacidade de nos comunicarmos uns com os outros de modo mais articulado e eficiente que os outros animais. A leitura, quando faz parte da vida, amplia o vocabulário, potencializa o raciocínio, melhora a capacidade de argumentação, aproxima as pessoas (porque vira assunto para conversa), desperta a curiosidade. Até o final do mês voltaremos a falar sobre a leitura e sobre nós, seres humanos. Vamos juntos, conversando sobre a vida, que é simples, embora a gente insista em complica-la!!
Nesta primeira coluna, gostaria de agradecer ao Matheus Haetinger e à equipe do Jornal de Candelária por confiarem no meu trabalho. E dizer um SEJA BEM VINDO, a cada um e a todos que desejarem viajar um pouquinho nos caminhos que vou tomando pelas veredas que a vida vai me levando!! SIMPLES ASSIM!!

domingo, 2 de abril de 2017

DIA PARA LEMBRAR DE UM ALIMENTO FUNDAMENTAL PARA NOSSOS PEQUENOS

"A gente não quer só comida, a gente quer comida diversão e arte".  "Comida" é uma conhecida música da banda brasileira "Titãs", gravada em 1987. Há muitas formas de alimentar o corpo e não tenho dúvida de que a arte, em todas as suas formas, é um alimento absolutamente necessário, se desejamos ser seres humanos mais sensíveis, empáticos e solidários. Hoje é celebrado em todo o mundo o Dia Internacional do Livro Infantil. A data escolhida não é aleatória, no dia 2 de abril comemora-se o aniversário de nascimento do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen. Neste dia, além do aniversário de Andersen, lembramos também da importância da literatura infantil enquanto alimento tão fundamental quanto constitutivo de sujeitos mais sensíveis e críticos de seu tempo. O legado de Andersen para a literatura é inestimável e a contribuição dos contos infantis para o formação de um espírito crítico, reflexivo, mais criativo, amoroso e solidário é sem igual.   
Em 2009, quando visitei a cidade de Faro, em Portugal, o Museu Municipal de Faro estava com uma exposição belíssima, toda inspirada na obra de Hans Chistian Andersen. Presente para o corpo e para a alma!! Que o Dia Internacional do Livro Infantil seja o disparador para muitas leituras e muitas reflexões!!